Eu tava vendo um site bem legal.. Foi a Mari que me passou... Meu, tem uma foto lá que me lembrou muito uma pessoa, hehehe, o Mau, o meu futuro cardiologista... hehehe Ah, só pra contar q hoje comi morango mas tenho certeza de que assim é bem melhor do que estavamos planejando, não acha?
Estou chocada com a super baixaram o nível até dizer chega... selecionei algumas pérolas q foram ditas na reportagem...
"Os terroristas que atacaram os Estados Unidos não são como os psicopatas que você vê no cinema. Eles se parecem mais com soldados numa guerra. (E, se bobear, até você podia ser um deles)"
"O que teria se passado na mente de Mohamed Atta minutos antes de entrar no avião? Que espécie de convicção arraigada é essa capaz de fazer com que ele e outros 18 homens embarcassem tranqüilamente em uma missão – como prova de frieza, alguns deles tiveram a calma de pedir para o vendedor de bilhetes creditar o trecho no cartão de milhagem da companhia aérea – cientes de que não voltariam vivos? O ódio dos seqüestradores e de terroristas como Osama bin Laden é desumano, fruto de um cérebro doente, ou humano demais, vítima de certezas inexoráveis? "
“A idéia de que terroristas são mentalmente doentes não corresponde à realidade”, diz Philip Schrodt, especialista em terrorismo da Universidade de Kansas, Estados Unidos. “Eles não são pirados que ouvem vozes do além. São pessoas que acreditam estar agindo certo e farão de tudo para atingir seus objetivos.” Quando perguntado sobre por que alguém daria a própria vida por uma causa, qualquer que seja ela, Schrodt diz: “Procure a lista de soldados americanos que ganharam medalhas de honra na Guerra do Vietnã e você vai encontrar dezenas de homens que morreram em ações suicidas pela mesma lealdade ao grupo que moveu as pessoas que cometeram o atentado”. Apesar de reconhecer que há uma clara diferença entre uma guerra e um ato terrorista – o ato terrorista é inesperado e, por isso, mais covarde, atingindo bem mais inocentes –, ele diz que a mente dessas pessoas funciona como a de um soldado. “Na cabeça deles, a guerra existe, eles estão do lado do bem e não conseguem enxergar civis inocentes. Para eles só há inimigos.”

Ah, pera um pouquinho, tadinho dos americanos.. eles foram pegos de surpresa.. e o povo afegão que está morrendo? E as crianças nos hospitais do Paquistão que foram mutiladas pois seus pais mandaram que fossem nos campos minados pegar a ração que o querido Tio Sam mandou... esses são coitados... vítimas dos Estados Unidos, na verdade do querido Texano Bush e do Bin Laden...