Saiba que ainda estão rolando os dados...



Pois é minha gente... para quem leu o post Dúvida Cruel... muitos acertaram.. sim, eu ia pedir demissão do meu emprego.. e eu o fiz na quinta, dia 07!

Encerrarei, no dia 05 de fevereiro, 4 anos e 5 meses de trabalho nesta empresa.
Fazendo uma retrospectiva rápida...
Em 2005, acho que lá pra maio, decidi que iria trabalhar... que não ia dar pra ficar fazendo só a facu.. ainda mais que eu tava sem grana...
Então mudei sw facu e fiquei fazendo um milhão de entrevistas... nossa, um monte de entrevistas de estágio e uma de emprego.. e acabei conseguindo essa vaga já como efetiva...
Eu agradeço muito a conjunção astral que me fez conseguir esse emprego além, é claro, da minha capacidade...
Depois de 1 anos e 8 meses como Assistente Administrativa de Vendas eu virei vendedora... foram 4 meses.. foi bem complicado.. o meu chefe não era uma pessoa nem um pouco fácil e então surgiu a oportunidade de mudar de área e ser coordenadora de vendas de uma outra área, e eu fui..
Nesse meio tempo todo eu me arrastei na faculdade... é muito difícil levar uma facu de engenharia e trabalhar de verdade pq, não que estágio seja fácil, mas te cobram diferente, você pode chegar e falar que precisa estudar etc... no meu caso não, eu era uma funcionária como outra qq... então tinha que me virara em mil pra trabalhar, estudar, ficar quase 2 horas por dia no transito, no sábado era inglês, depois virou o francês...
Fui muito bom ter ido trabalhar... mas chegou a hora de cuidar de mim... de cuidar dos meus estudos e da minha parte física... este é o ultimo ano da faculdade... quero fazer o possível e o impossível para me formar esse ano... e, para isso, terei que ter aulas pela manha além da noite, o que inviabiliza trabalhar,...

Nem quero entrar no mérito da questão do trabalho em si, mas a realidade é que eu acho que tenho um perfil diferente de empresas automotivas, pelo menos no Brasil. Eu penso longe, sou uma pessoa extremamente inventiva, que adora inovações e em um setor onde os próprios consumidores não querer ter ABS ou Airbag nos carros fica difícil...

Anyway... chegou a hora de dizer tchau... “O TEMPO NÃO PARA”... eu quero resolver no PRESENTE a minha vida, quero ser feliz HOJE, quero poder deitar na cama e pensar “se eu morresse hoje morreria com muitos planos, mas feliz pelo que já conquistei”... hoje eu não consigo pensar assim... pois minha vida se resume em levantar, trabalhar, faculdade, francês e dormir... eu não curti, nem um pouco, os últimos 4 anos e meio da minha vida...
O que “piorou” tudo foi a viagem para a Europa... é claro que viagem de férias sempre é boa.. mas ter um mês disso me fez lembrar o gosto da realidade, da felicidade... e eu quero trazer isso de volta a minha vida...

Quando pensei na minha lista de 101 coisas isso não saia da minha cabeça.. “quais são as coisa que irão me ajudar a me conectar com o meu verdadeiro EU?”... E essas coisas não incluem sofrer trabalhando.. essas coisas incluem ter prazer trabalhando... e para que eu possa dar esse tão importante rumo na minha vida eu sinto que tenho que estar formada, afinal, uma mulher de 26 anos, falando inglês, espanhol e francês, engenheira e com 4 anos e meio de experiência em uma multinacional tem todas as condições de ser feliz profissionalmente...